ALOE EXTRATOS VEGETAIS

Composto por um mix de extratos vegetais, ALOE-EXTRATO apresenta potencial de controle para diferentes pragas, tais como insetos mastigadores, minadores, broqueadores e sugadores.

Sua formulação é constituída de diversos ingredientes ativos, o que confere um amplo espectro de ação. Assim, age por contato e por ingestão atuando no controle de insetos-pragas em todo seu ciclo de vida (ovos, larvas, ninfas e adultos). Os extratos botânicos presentes em sua fórmula afetam o sistema nervoso central, o sistema de digestão, a biossíntese dos hormônios da ecdise ou a formação da camada de quitina da cutícula do inseto.

Com ação preventiva contra insetos-pragas, o ALOE-EXTRATO também se destaca por suas propriedades repelentes que modifica o odor natural produzido pela planta de forma a “enganar” tais insetos, fazendo com que estes se afastem da planta, prevenindo a alimentação ou oviposição na mesma.

Adicionalmente, as substâncias presentes no ALOE-EXTRATO são caracterizadas como bioestimulantes vegetais, conferindo mais vigor a planta e maior capacidade de crescimento e resistência à pragas e doenças.

CONTÉM

  • Vitaminas
  • Sais minerais
  • Quelantes
  • Carboidratos simples e compostos
  • Substâncias naturais repelentes e defensivas
  • Polissacarídeos
  • Giberelinas
  • Hormônios
  • Saponinas e antraquinonas
  • Aloína (repelentes naturais)
  • Aminoácidos
  • Estimulantes de crescimento

BENEFÍCIOS

  • Ação rápida
  • Menor risco das pragas desenvolverem resistência
  • Reduzido risco para organismos benéficos e não-alvo
  • Por possuir baixo ou nenhum poder residual, pode ser aplicado um pouco antes da colheita do alimento
  • Baixa toxicidade
  • Baixa fitotoxicidade (toxicidade para as plantas)
  • Não apresenta toxicidade aos seres humanos

ATENÇÃO

Como as orientações deste folheto são genéricas, sugere-se que, para casos específicos de culturas e pragas/doenças, sejam feitos testes nas condições locais em poucas plantas, observando o clima e a planta (espécie, cultivar, estádio de desenvolvimento), pois dessa forma evita-se prejuízos resultantes de queima das plantas. As informações constantes neste folder foram obtidas em trabalhos de revisão de literatura e experiências locais, servindo apenas como sugestões quanto ao potencial de uso do ALOE-EXTRATO.

CUIDADOS

  • A pessoa que realizará a aplicação deve utilizar o equipamento de proteção individual (EPI), para proteção dos olhos, pele, boca e nariz.
  • Para evitar a queima das plantas com a aplicação da calda, é importante respeitar as dosagens e realizar as pulverizações nos horários mais frescos. Pela manhã, aplique depois que o orvalho nas plantas já estiver secado. Pela tarde, aplique depois que o sol estiver mais fraco.
  • Não aplicar ALOE-EXTRATO quando estiverem previstas geadas, ou quando as temperaturas estiverem muito elevadas.
  • Realizar as aplicações no mesmo dia de preparação da calda.
  • Maior eficiência do ALOE-EXTRATO ocorre quando as aplicações são realizadas no início da incidência da doença.

MODO DE USAR

Translate »
Need Help? Chat with us!
Chame no Whats!
Olá! Clique em um de nossos contatos